Procurar:

 

Portal > Conteúdos > Biografias > Cosima Liszt Wagner


      16 de 80

As mulheres, no mundo ocidental, vivem mais tempo que os homens, assim o afirmam as estatísticas. Numa sociedade que ainda não soube rentabilizar a sabedoria dos mais velhos, esta é uma boa ocasião para apresentar 80 mulheres com 80 anos ou mais, que deixaram a sua marca na história dos povos. Privilegiámos as portuguesas. Espante-se com a diversidade de actividades que tiveram ou têm, desde os Nobel da Medicina e da Paz, à fotografia, meteorologia, teatro, literatura, desporto, política, moda, música e tudo o mais.


Cosima Liszt Wagner
(1837-1930)


Filha do compositor Franz Liszt e da Condessa Maria d' Agoult, casou aos dezoito anos, em primeiras núpcias com o pianista e maestro discípulo de Liszt e amigo de Wagner, Hans von Bulow. Tiveram dois filhos. Cosima apaixonou-se por Wagner, também casado e abandonou o marido para ir viver com ele. Casaram já ela estava divorciada e ele viúvo, em 1869. Tiveram um filho. Cosima que além de viver no mundo da composição, sabia música e é considerada grande inspiradora de Wagner e a sua grande companheira. A ela se deve a organização do Festival de Bayreut, desde 1883, logo após a morte do genial compositor. Deixou um interessante diário íntimo, escrito a partir de 1869 e publicado em 1974.


Indexar Sítio | Novidades | Sítios mais populares | Modificar Indexação
___
O Leme é uma marca registada portuguesa que se dedica à criação e alojamento de portal para busca de sites
Produzido por JFMF © 2005 Todos os direitos reservados