Procurar:

 

Portal > Conteúdos > Biografias > Elaine Sanceau


      29 de 80

As mulheres, no mundo ocidental, vivem mais tempo que os homens, assim o afirmam as estatísticas. Numa sociedade que ainda não soube rentabilizar a sabedoria dos mais velhos, esta é uma boa ocasião para apresentar 80 mulheres com 80 anos ou mais, que deixaram a sua marca na história dos povos. Privilegiámos as portuguesas. Espante-se com a diversidade de actividades que tiveram ou têm, desde os Nobel da Medicina e da Paz, à fotografia, meteorologia, teatro, literatura, desporto, política, moda, música e tudo o mais.


Elaine Sanceau
(1896-1978)


Inglesa, nascida em Croydon, filha de pais de origem francesa foi educada na Suíça. Em 1930 passou a residir em Portugal. Publicou textos de História de Portugal em inglês demonstrando que os portugueses tinham sido pioneiros na demanda de novos mundos, nomeadamente na Índia. Elaine dedicou a sua vida ao estudo dos descobrimentos portuguesas, tendo deixado estudos, entre muitos outros, sobre o infante D. Henrique (1942); D. João de Castro (1945) e "A Viagem de Vasco da Gama" (1958): "Os Portugueses em África" (1961); "Os Portugueses na Índia" (1963); "Os Portugueses no Brasil (1963); "Os Portugueses em Marrocos" (1964); "O Reinado do Venturoso" Em 1979, postumamente, foi editado o seu estudo "Mulheres Portuguesas no Ultramar". O Estado português demonstrou-lhe o seu apreço concedendo-lhe o Prémio Camões, em 1944, atribuindo-lhe as condecorações de grande oficial da Ordem de Santiago da Espada, da Ordem do Infante Dom Henrique, em 1961 e a medalha de Ouro da cidade do Porto (onde viveu) em 1968. Era membro do Instituto de Coimbra, do Centro de Estudos Históricos e Ultramarinos e sócia correspondente da Academia Internacional da Cultura Portuguesa.


Indexar Sítio | Novidades | Sítios mais populares | Modificar Indexação
___
O Leme é uma marca registada portuguesa que se dedica à criação e alojamento de portal para busca de sites
Produzido por JFMF © 2005 Todos os direitos reservados