Portal > Conteúdos > Biografias > Anna Vasilichia Aslan


      30 de 80

As mulheres, no mundo ocidental, vivem mais tempo que os homens, assim o afirmam as estatísticas. Numa sociedade que ainda não soube rentabilizar a sabedoria dos mais velhos, esta é uma boa ocasião para apresentar 80 mulheres com 80 anos ou mais, que deixaram a sua marca na história dos povos. Privilegiámos as portuguesas. Espante-se com a diversidade de actividades que tiveram ou têm, desde os Nobel da Medicina e da Paz, à fotografia, meteorologia, teatro, literatura, desporto, política, moda, música e tudo o mais.


Anna Vasilichia Aslan
(1897-1988)


Médica cardiologista e geriatra romena, fez o curso de medicina da Universidade de Bucareste e durante a 1ª Grande Guerra (1914-1918) esteve na frente com o médico Thomas Ionescu a tratar os doentes vítimas de ferimentos de guerra. Foi pioneira como médica em cardiologia e professora catedrática de Medicina no seu país. A ela se deve o poderoso anti-envelhecimento conhecido por Gerovital, com efeitos positivos sobre a arteriosclerose e doenças do sistema nervoso. Em 1970 começou a usar um medicamento que a sua equipa desenvolveu - o Aslavital. Foi membro das academias científicas de Bucareste de Nova Iorque e das Sociedade Gerontológica da Alemanha, EUA, Chile, Peru, República Dominicana, Rússia, entre outras. Condecorada pela França, Alemanha, Índia, Brasil, Venezuela. Em 1952 criou o Instituto de Geriatria de Bucareste, de que foi directora até ao dia em que nos deixou para sempre.